Brasil participa de campeonato mundial de Cosplay apresentando Tekken 6

Considerado o maior campeonato do segmento, o World Cosplay Summit (WCS) é o sonho dos adeptos do Cosplay mundial. Realizado anualmente no ... (por Alexandre Galvão em 04/08/2012, via Xbox Blast)


Considerado o maior campeonato do segmento, o World Cosplay Summit (WCS) é o sonho dos adeptos do Cosplay mundial. Realizado anualmente no Japão, aconteceu esta manhã - noite no Japão - a final do WCS 2012, que consagrou como campeão desse ano o Japão. O Brasil, sempre fazendo bonito nas edições que participou desde sua criação, foi muito bem representado por Bruno Lorandi e Débora Guerra em 2012. Eles interpretaram Lars Alexanderson e Alisa Bosconovitch do game Tekken 6 (X360/PS3).

Video Games e Cosplay são "grandes amigas", e o uso de personagens de jogos eletrônicos é crescente em todo o mundo. Confira a apresentação da dupla na final nacional, baseada no enredo dos personagens da famosa franquia de luta da Namco Bandai, também executada na final mundial em Nagoya, Japão.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=WAg8Zk6NL6s&feature=plcp[/youtube]

O Brasil, infelizmente, não conseguiu o tetracampeonato esse ano. O Japão ganhou seu segundo título, seguido pela dupla de Cingapura e a da Indonésia na terceira posição. Entretanto, a dupla brasileira não saiu de mãos abanando, ganhando um dos prêmios dos patrocinadores do concurso. O Prêmio Cyperous, de melhor peruca.










A dupla de Cingapura também ganhou o prêmio de fidelidade e o Prêmio Brother, de outro patrocinador do evento.

Com isso, o Brasil encerrou sua participação no World Cosplay Summit 2012. Parabéns Bruno e Débora! Cosplayers e Gamers agradecem pela ótima representação no Japão.

O World Cosplay Summit é realizado anualmente desde 2005 e o Brasil lidera com três vitórias (2006, 2008 e 2011). A Itália possui duas vitórias (2005 e 2010) e com a vitória desse ano, o Japão empatou com os italianos (2009 e 2012). A França possui um título (2007).
Alexandre Galvão ou XelaoHerege (PSN) divide sua vida entre a graduação em Saneamento Ambiental pelo IFG, a organização da Liga N-Blast GO e aventuras no mundo gamer. Para ele, “é legal ser importante, mas o importante é ser legal”.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook