Discussão

O fim do Xbox Fitness

Programa de exercícios físicos do Kinect chega ao fim em 2017.

Se você pensa em malhar neste verão ou entrar em forma este ano com a ajuda do Xbox Fitness, é melhor se apressar. A Microsoft anunciou a desativação do serviço que ficará no ar até o dia 1º de julho de 2017. A compra de novos vídeos de treino e de conteúdos adicionais está indisponível desde junho do ano passado e a empresa pretende desativar o programa inteiramente neste ano.

Xbox Fitness, um legado de saúde e diversão

O Xbox Fitness é um programa de treinamento físico exclusivo para o Xbox One. O serviço foi lançado nas primeiras 24 horas do lançamento do Xbox One, em 2013, e está no ar desde então. Sua premissa é incentivar os jogadores a saírem do sofá e se exercitarem com o sensor de movimento Kinect, apostando numa vida gamer mais saudável e divertida.

O programa oferece treinos com alguns dos melhores personal trainers do mundo. Em especial, podemos citar Jillian Michaels, do programa de emagrecimento da NBC, The Biggest Loser; a personal trailer de estrelas da música e do cinema estadunidenses, Tracy Anderson; Tony Horton, criador do programa de exercícios P90X; e o coreógrafo Shaun T. Além desses nomes, o jogador tem a opção de comprar inúmeros pacotes de treinamento, que incluem exercícios com estrelas do futebol americano, basquetebol, atletismo, entre outros.


O serviço também oferece dados em tempo real da perda de calorias, possui desafios diários para incentivar o usuário a se exercitar, marca os batimentos cardíacos após cada sessão, contém conquistas e exibição de estatísticas para treinos concluídos e disponibiliza um perfil de treino, com base em seu peso, idade e altura, para, assim, sugerir exercícios adequados, desafios e uma dieta apropriada.

Adeus ao... Kinect?

A Microsoft justificou a decisão do fim do Xbox Fitness pela falta de vendas e desinteresse dos usuários. Contudo, há muitos outros fatores que levaram a multinacional a tomar essa decisão. Um deles, e certamente o principal, é a futura descontinuidade do Kinect.

Faz alguns anos desde que vimos algum grande título reservado ao periférico de sensor de movimentos da Microsoft, como Dance Central (X360) em 2010. A série de jogos de dança da Harmonix possuía lançamentos anuais e foi descontinuada em 2014 com o lançamento de Dance Central Spotlight (XBO).


Outro sinal dessa tendência é a ausência do Kinect no novo console da Microsoft, o Xbox One S. A versão slim do Xbox One possui uma entrada para aqueles que desejam o periférico, contudo, o constante lançamento de pacotes de jogos, programas e aplicativos que não utilizam mais o Kinect é preocupante, e revela que a empresa não tem interesse em continuar com o seu uso.

No caso do Xbox Fitness, aqueles que compraram vários conteúdos para o programa serão reembolsados por todos os treinos adquiridos. O reembolso virá em forma de crédito para compras na Windows Store ou na Xbox Games Store.

Kinect x Realidade virtual

O chefe da divisão do Xbox, Phil Spencer, afirmou recentemente que a Microsoft tem a intenção de entrar no mercado de jogos de realidade virtual. Com o recente sucesso do PlayStation VR e outros óculos de realidade virtual, a nova forma de jogar games tem virado tendência na indústria de jogos eletrônicos. Assim, o fim do Xbox Fitness, provavelmente, é mais um passo na direção do abandono do Kinect e o investimento na realidade virtual pela empresa.

Revisão: Jaime Ninice
Karen K. Kremer é mestre jedi em história pela UEPG e game designer pela Universidade Positivo. Viajante do tempo e cinéfila, considera Quantum Break uma obra-prima. Cresceu fazendo Meteoro de Pégasos e jogando videogame. Apaixonada por literatura, ilustração e dinossauros. Diz a lenda que com um bat-sinal no DeviantArt, Wattpad ou Twitter ela aparece.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook