As especificações dos consoles através das gerações

“Minha bola é maior que a sua." “Meu carro atinge 100 km/h em 8 segundos". “Recebi um aumento no mês passado". Desde que o ... (por Matheus Zanetti em 03/02/2013, via Xbox Blast)

“Minha bola é maior que a sua." “Meu carro atinge 100 km/h em 8 segundos". “Recebi um aumento no mês passado". Desde que o capitalismo é capitalismo, ou talvez até antes disso, a humanidade sente necessidade de quantificar e comparar objetos. Admita, até você fez isso, quando falava para o seu primo que o seu boneco do Ranger Vermelho era melhor do que a pipa dele. Com os videogames, os haters e os fanboys degladiam-se em comparações de gráficos, processadores e bits, numa medida exasperada para “provar” que a empresa do coração é a melhor. Mas o que isso tudo vale? Leia mais no GameBlast.
Matheus Zanetti é graduando em Engenharia Elétrica pela UFES. Adora provocar uma discussão sobre qualquer assunto. Sinta-se livre para desafiá-lo numa batalha Pokémon, ou numa partida de Street Fighter. Você também pode combinar uma revanche, no Facebook.
Este texto não representa a opinião do Xbox Blast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook