Analógico

Xbox em 2017, futuros jogos para sua biblioteca

2017 está chegando e a Microsoft tem muitas novidades para o Xbox One.

O ano novo está às portas e, ao que tudo indica, 2017 será recheado de jogos exclusivos para o Xbox One. 2016 trouxe grandes títulos AAA para o console da Microsoft, como Quantum Break (XBO/PC) da Remedy, Forza Horizon 3 (XBO/PC) da Playground Games, Gears of War 4 (XBO/PC) da The Coalition, ReCore (XBO/PC) da Comcept e Dead Rising 4 (XBO/PC) da Capcom. Aliado a isto, o recurso da retrocompatibilidade tem feito a alegria dos gamers trazendo jogos clássicos do Xbox 360 de volta à ativa, como Alan Wake (X360/PC), The Witcher 2: Assassins of Kings (X360/PC), Halo: Reach (X360), Halo: Spartan Assault (X360/XBO/PC/iOS), Halo Wars (X360/PC) e todos os títulos da franquia Gears of War (X360/XBO/PC).


São muitos os jogos aguardados para 2017, e para o Xbox One não é diferente. Entre os games que já estão na mira dos jogadores e lideram as altas expectativas estão os futuros Scalebound (XBO/PC), Halo Wars 2 (XBO/PC), Sea of Thieves (XBO/PC), Crackdown 3 (XBO/PC) e Cuphead (XBO/PC). Então, vamos conhecer um pouco mais sobre estes jogos e nos preparar para novas noites sem dormir no ano vindouro.

Cuphead, da Studio MDHR

Cuphead é um jogo run and gun com foco em batalhas contra chefes de fases. O game possui visual e arte dos desenhos animados dos anos de 1930 e se utiliza dos recursos cinematográficos da época, como animação em 2D pintada a mão, efeitos sonoros mecânicos do período e uma trilha sonora composta de jazz, principal estilo musical do cinema dos anos de 1930, quando os filmes começavam a ser colorizados.


O jogo é uma homenagem ao início do cinema como o conhecemos e traz um gênero clássico dos games para a nova geração enquanto acompanhamos as aventuras de Cuphead e Mugman, dois amigos que fazem uma aposta com o diabo e perdem. Agora, eles terão de pagar o débito para livrarem suas almas do inferno. Cuphead também terá a opção de jogo no modo cooperativo.

Crackdown 3, da Reagent Games

Mesclando uma estética cartunesca e tridimensional, Crackdown 3 é a sequência direta de Crackdown 2 (X360), lançado em 2010. O jogo de tiro em terceira pessoa em mundo aberto e com elementos futurísticos retorna prometendo destruição em massa dos cenários e inimigos. Em Crackdown 3 você terá, além da campanha single player, os modos cooperativos e multiplayer que possibilitarão muito caos nas ruas e uma experiência imersiva em mundo aberto.


Sea of Thieves, da Rare

Adquirida pela Microsoft em 2002, a produtora de games britânica Rare teve altos e baixos em sua história. Focada em jogos para o Kinect entre os anos de 2009 a 2014, foram poucos os títulos que tiveram algum destaque na indústria de jogos, como Viva Piñata (X360/PC) e Perfect Dark Zero (X360). Contudo, o cenário começou a mudar no ano passado, com o lançamento da Rare Replay (XBO), uma coletânea dos melhores clássicos da produtora que foi muito bem recebida pelos gamers. Desde então, a Microsoft deu sinal verde para a produtora trabalhar em seu novo título: Sea of Thieves.


Sea of Thieves é um jogo de aventura em multiplayer que acompanha a história de um grupo de piratas em busca de tesouros e ilhas inexploradas. Com uma arte em pintura digital, o game traz uma narrativa centrada nos ladrões dos mares, onde mitos e lendas fantasmagóricos ganham vida nas batalhas entre seu personagem e de seus amigos.

Halo Wars 2, da 343 Industries

Continuação de Halo Wars de 2009, o jogo de estratégia Halo Wars 2 chega em 2017. O novo título da franquia Halo se passa em 2559 e conta a história do retorno da tripulação humana do United Nations Space Command (UNSC) a bordo da nave de guerra Spirit of Fire. O jogo também terá o acréscimo de uma nova facção alien, a Banished, que substitui a conhecida aliança Covenant.


O jogo se passa 28 anos depois dos acontecimentos de Halo Wars e pouco tempo depois dos eventos de Halo 5: Guardians (XBO/PC). O game possui modo multiplayer para até seis jogadores, além dos modos cooperativo e single player, bem como a opção de jogar com o exército da UNSC ou da Banished.

Scalebound, da PlatinumGames

Dragões, quem não ama essas criaturas mitológicas? Pensando nisso, o RPG de ação Scalebound coloca o jogador na pele do jovem Drew e seu companheiro dragão, Thuban. Neste RPG em terceira pessoa, conhecemos o mundo de Draconis, onde elementos medievais e contemporâneos unem-se num período da linha do tempo marcado por magia e tecnologia.


Sem dúvida o título mais aguardado do Xbox One, Scalebound possibilitará ao jogador comandar Drew e Thuban durante as batalhas pelo mundo mágico. Ao unir elementos de ação e RPG, o game possui um sistema de aprimoramento de habilidades e itens a serem coletados. Outra função interessante é a possibilidade de jogar em primeira pessoa quando se assume o comando completo de Thuban. O jogo fez grandes promessas e as apostas são altas para ele se tornar mais um dos grandes títulos do Xbox.

E então, quais games vocês estão mais ansiosos para jogar no Xbox One em 2017?

Revisão: Vitor Tibério
Karen K. Kremer é mestre jedi em história pela UEPG e game designer pela Universidade Positivo. Viajante do tempo e cinéfila, considera Quantum Break uma obra-prima. Cresceu fazendo Meteoro de Pégasos e jogando videogame. Apaixonada por literatura, ilustração e dinossauros. Diz a lenda que com um bat-sinal no DeviantArt, Wattpad ou Twitter ela aparece.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook