"Scorpio é uma máquina de próxima geração" diz desenvolvedor da Microsoft Studios

Criador de Ori and the Blind Forest fala um pouco sobre sua visão com o Scorpio.


Essa semana Phil Spencer falou como ficou satisfeito ao jogar no Scorpio e parece que não somente ele decidiu dizer um pouco sobre o que achou do novo projeto da Microsoft. Thomas Mahler, criador do sucesso indie Ori and the Blind Forest, respondeu a uma pergunta no NeoGAF e deixou uma ponta do que esperar no final de 2017, lançamento do aparelho.


A pergunta foi simples: "O Scorpio é um PS4 Pro ou uma nova geração?", a resposta foi completa o bastante para revelar alguns fatos. Thoman Mahler disse que o Project Scorpio é uma máquina de nova geração com o benefício de rodar jogos antigos.

Mahler ainda reafirmou a ideia que a Microsoft comentou, que é a de acabar com a geração de consoles: "De agora em diante, semelhante ao PC, você não perderá sua biblioteca quando comprar um sistema de última geração".

Continuando a citar o próprio criador de Ori and the Blind Forest, a Microsoft vai precisar de um pouco de trabalho para esclarecer como o Project Scorpio "não é somente uma atualização meia-boca (como o PS4 Pro, basicamente...)" e sim um representante completo de uma nova geração com retrocompatibilidade (seria como o Xbox One está fazendo com o Xbox 360, o que tem dado muito certo, mas ao que parece, com todos os jogos disponíveis desde o lançamento).

Agora é só resta aguardar quando cada comentário como esse será feito e esperar para o final de 2017 (ah, e ir poupando dinheiro, sempre é bom).
Janderson Oliveira ainda não chegou ao patamar de universitário por estar no Ensino Médio, entrou no Xbox Blast com o intuito de unir o que aprendeu em sala com o que andou jogando enquanto deveria estudar para Química. Tem Facebook caso queiram catalogar a espécie.

Comentários

Google+
0
Disqus
Facebook